> SITUAÇÃO DO PLANO PETROS | Sindipolo

SITUAÇÃO DO PLANO PETROS

PUBLICADO:

Frequentemente, um grande número de participantes do Plano Petros (Copesul/Bras-kem) procura o Sindicato para saber da situação do Plano. Em geral estão ansiosos, preocupados, alguns inclusive desesperados, com as indefinições em relação ao mesmo.  Além da revolta e indignação com o fim do Plano, há muitos questionamentos quanto aos valores informados sobre o saldo dos seus Fundos Individuais de Retirada. Na sua grande maioria, os números estão muito distante de atender o que era assegurado pelo Plano Petros que tem a modalidade do Benefício Definido.

Querem saber como estão as ações judiciais coletivas que entramos em defesa do Plano e dos direitos dos participantes e, também, sobre a situação técnica da tra-mitação do processo de retirada do patrocínio do Plano pela Braskem.

PETROS DEPENDE DE DECISÃO DA PREVIC

Em todos os casos em que somos procurados, primeiro fizemos um relato sobre o andamento das nossas ações coletivas e, também, sobre a tramitação técnica da retirada de patrocínio.

Em relação a esta, em contato recente com a Petros, a informação é de que a Fundação espera uma decisão da PREVIC sobre a troca dos ativos do Plano por recursos de outros planos administrados pela Petros. Em princípio, avaliam que deve haver uma decisão favorável da PRE-VIC à troca dos ativos pelo recurso dos outros planos, ainda  durante o mês de junho e, imediatamente após esta decisão, enviarão aos participantes as cartas com as opções de destino para os Fundos Individuais de Retirada.

Reiteramos, ainda, que as nossas ações estão em andamento e que, a partir do que foi debatido e aprovado pelos participantes em assembleia no Sindicato, a luta do SINDIPOLO em defesa dos direitos não encerra, mesmo após as opções.

Esta questão, inclusive, já tratamos no encontro que tivemos com cerca de 250 participantes em março último.

VINDA DA PETROS A PORTO ALEGRE

Já em relação à vinda da Petros a Porto Alegre, no Sindicato, para prestar esclarecimentos aos participantes do Plano Petros sobre os cálculos, as correções dos valores, onde há questionamentos, e outros pontos, a mesma deverá ocorrer no mês de junho, independente da decisão da PREVIC em relação ao Plano.

 




DESENVOLVIMENTO BY
KOD