> Restaurante da PE-4:Caso de saúde pública | Sindipolo

Restaurante da PE-4:Caso de saúde pública

PUBLICADO:

Não gostaríamos de estar relembrando o ano de 2008 para os trabalhadores da PE-4, quando tivemos um surto de intoxicação alimentar. Mas o que estamos vivenciando neste momento nos encaminha para a repetição deste triste episódio.

Isto porque as ações que estão sendo tomadas para solucionar parte dos problemas apresentados ao longo dos últimos meses,tem sido feitas em doses homeopáticas. Isto aumenta a sensação de que os usuários daquele restaurante devem contentar-se com o que é apresentado, em detrimento da falta de planejamento  e por ter o orçamento para as reformas estourado em 2010.

É importante que em nenhum momento se atribua o caos existente aos trabalhadores do restaurante. Já foram feitos contatos com a Braskem.  A resposta da empresa foi de que reconhece que a “situação não é a ideal”.

 

Prejuízos à saúde dos trabalhadores

Este problema se não solucionado, poderá avançar para inúmeras conseqüências à saúde dos usuários do restaurante. O Sindipolo espera que medidas urgentes sejam tomadas e que os problemas constatados e reconhecidos pela empresa, tenham soluções imediatas.

Não é demais dizer que um período de parada de manutenção se avizinha. Não se pode pensar, em hipótese alguma que, do jeito que está sem as condições ideais para receber os atuais usuários, o restaurante, tenha condições de receber um número ainda maior de trabalhadores. Caso os graves problemas que se apresentam não sejam solucionados urgente-mente, o Sindipolo acionará a Superintendência Regional do Trabalho e a Vigilância Sanitária.