> PROPOSTA DAS EMPRESAS REJEITADA EM ASSEMBLEIA | Sindipolo

PROPOSTA DAS EMPRESAS REJEITADA EM ASSEMBLEIA

PUBLICADO:

Nas assembleias realizadas com os trabalhadores da Oxiteno, Innova e Braskem (Data Base Outubro), entre os dias 12 e 14 de novembro, por ampla maioria, os trabalhadores REJEITARAM a proposta apresentada pelas empresas de reajuste salarial de 2,92% (INPC Data Base OUTUBRO), escalonado até um salário de R$ 10.341,40 e, acima deste salário, um valor fixo de R$ 301,97. Além disso, o reajuste, também pelos mesmos 2,92% do piso salarial e dos auxílios educação, creche e por filho com deficiência.

Nas mesmas assembleias, também aprovaram uma CONTRAPROPOSTA de 3% de reajuste dos salários sem escalonamento e o mesmo percentual para o piso salarial e auxílios educação, creche e por filho com deficiência, a partir de 1º de Outubro de 2019, e mais 2% a partir de 1º de Março de 2020.

 

EMPRESAS PODEM AVANÇAR

 

A posição dos trabalhadores, que rejeitaram a proposta das empresas e aprovaram uma contraproposta, por ampla maioria, deixa claro que para encaminhar a negociação, as empresas devem avançar na sua proposta.

 

REUNIÃO COM

AS EMPRESAS

 

O resultado das assembleias, com a rejeição da proposta da empresa e a contraproposta aprovada serão apresentadas às empresas formalmente, em reunião agendada para a terça-feira, dia 19 de novembro.

A expectativa é que neste encontro, as empresas revejam sua posição e apresentem reajuste dos salários, do piso salarial e dos auxílios, tendo como referência o que buscam os trabalhadores

 

 




DESENVOLVIMENTO BY
KOD