> Processo Poliolefinas – URP | Sindipolo

Processo Poliolefinas – URP

PUBLICADO:

DEPÓSITO/PAGAMENTO DO FGTS PARA

OS TRABALHADORES DA ATIVA

O Processo judicial Coleti­vo promovido pelo SINDIPOLO representando os trabalhado­res da antiga Poliolefinas (hoje Braskem PE4), para que estes fizessem jus a seus direitos em Acordo Coletivo e recebessem seus salários corrigidos pela URP foi vitorioso, sendo que os trabalhadores já receberam seus valores. Porém a parce­la proporcional ao FGTS, que também é devida pela empre­sa, teve a determinação judicial de ser paga aos trabalhadores de duas formas.

Aqueles que já estavam desligados da Poliolefinas/Braskem, ou seja, sem víncu­lo empregatício, receberiam esta parcela referente ao FGTS diretamente do advogado do SINDIPOLO. Os que ainda estão trabalhando na Braskem, ou seja, com vínculo empregatício, receberiam os valores (R$) per­tinentes em suas contas vincu­ladas do FGTS depositadas pela Braskem.

Os trabalhadores que fi­caram na responsabilidade da assessoria jurídica que acompanha o processo, já receberam seus respectivos valores. Infelizmente os que ainda estão trabalhando na Braskem ainda não tiveram seus valores depositados. Já cobramos da empresa que cumpra a determinação do juiz, pois os ditos alvarás já estão em mãos do advogado da empresa, não tem mais motivos para retardar esta determinação judicial.

Os trabalhadores devem ficar atentos, pois estes valo­res devem ser corrigidos de­vido ao atraso gerado.

O SINDIPOLO tem cobrado da Braskem celeridade no pa­gamento. Se isto não ocorrer nos próximos dias, deveremos tomar outras providências.