> PLANOS DE SAÚDE | Sindipolo

PLANOS DE SAÚDE

PUBLICADO:

Sempre que as operadoras de plano de saúde resolvem, de sua maneira, trocar um prestador de serviço, quem acaba tendo o máximo prejuízo é o usuário do plano, pois perde-se, muitas vezes, uma relação com clínicas, profissionais de saúde, laboratórios e serviços de diagnósticos por imagem.Para corrigir essa ação das operadoras passou a valer, a partir do dia 22/12/2014, o cumprimento da lei. Com a entrada em vigor da Lei n° 13.003 em dezembro, as operadoras de plano de saúde terão que substituir um prestador de serviço descredenciado por outro equivalente e fazer essa comunicação aos usuários do plano com 30 dias de antecedência, no mínimo. Caso descumpram a lei, as operadoras estarão sujeitas à multa de R$ 30 mil pela não substituição do não credenciado e de R$ 25 mil para cada demanda por falta de aviso ao usuário sobre a mudança do prestador. Essa mudança, que beneficia os usuários e até alguns prestadores de serviço, não é válida para os serviços hospitalares, que já estavam cobertos por regramento estabelecido pela lei n° 9.656/1998




DESENVOLVIMENTO BY
KOD