> NEGOCIAÇÃO SALARIAL: DEFINIDA PROPOSTA DE PAUTA | Sindipolo

NEGOCIAÇÃO SALARIAL: DEFINIDA PROPOSTA DE PAUTA

PUBLICADO:

Em encontro realizado em Salvador nos dias 10 e 11/08, os trabalhadores petro-químicos do RS, SP, RJ, BA e AL prepararam a proposta da pauta de reivindicações a ser levada à apreciação da categoria em assembleias nos respectivos estados.

Na negociação deste ano, além de um reajuste salarial que reponha as perdas e garanta aumento real, tem uma série de outras questões que temos que assegurar. Algumas que aqui no RS não abrangem toda a categoria, como auxílio-educação e a indenização de um salário a quem é demitido e tem mais de 45 anos. Também questões que já são contempladas em acordos nos outros estados e ainda não está no nosso Acordo, e até mesmo equalização dos valores do auxílio-educação, abono de férias, auxilio-creche e outros.

No quadro abaixo, estão os principais itens da pauta que será levada em assembleias para apreciação dos trabalhadores nos dias 28 e 29 de agosto.

 

PROPOSTA DE PAUTA DE REIVINDICAÇÕES

Reajuste salarial  de 10,25%;

Piso salarial de R$ 1.500,00;

Abono de férias de 100% de um salário, mais 1/3  de lei (na BA e AL é 80%. Aqui 67% de um salário);

Indenização de um salário aos demitidos com  mais de 45 anos de idade e cinco anos de empresa;

Auxílio-educação de R$ 325,00/mês;

Auxílio-creche de um salário mínimo nacional;

Hora Extra de 150% e 200% em parada de manutenção e partida de novas unidades;

Auxílio para filhos com deficiência de um salário mínimo nacional/mês;

Seguro aposentando de 50 meses, conforme BA e AL;

Questões relativas a condições de trabalho, saúde e segurança.

111111111111