> Negociação DB Outubro emperrada por desinteresse das empresas | Sindipolo

Negociação DB Outubro emperrada por desinteresse das empresas

PUBLICADO:

Novamente a negociação está sendo pautada pelo desinteresse das empresas em fechar o Acordo.  Os trabalhadores rejeitaram a proposta de 7,7% para correção salarial, mas as empresas ignoraram, colocando na folha de pagamento este índice.  Esta atitude configura um desrespeito à decisão da categoria.

Na última negociação, o processo se arrastou até março. Foram várias as tentativas de retirar direitos consolidados dos petroquímicos. O processo só foi concluído depois de muita pressão e mobilização dos trabalhadores, inclusive com articulações do Sindicato em nível nacional.

Os resultados das empresas em 2010, que ultrapassaram todas as expectativas, e o parâmetro de outros setores, que não tiveram resultados tão significativos,  mas garantiram reajustes acima da inflação, mostram que há espaço para avançar na proposta.  É de se esperar que as empresas que propagandeiam tanto suas gestões e que tem seus trabalhadores como seu “principal patrimônio”, não se façam de surdas, mudas e cegas em um momento tão importante na vida de todos que contribuem para os seus fabulosos lucros.

Unidade e mobilização

Assim como em 2010, será somente a unidade, a resistência e a mobilização dos trabalhadores que poderão assegurar o andamento do processo.  O fato das empresas terem colocado na folha de pagamento os 7,7% impostos, não significa que a negociação está encerrada. Revela apenas o descaso delas por um dos processos de maior importância para a categoria.  E isso não podemos aceitar.




DESENVOLVIMENTO BY
KOD