> NA LANXESS, 7,89% ! PARA ATRASAR A NEGOCIAÇÃO | Sindipolo

NA LANXESS, 7,89% ! PARA ATRASAR A NEGOCIAÇÃO

PUBLICADO:

Propostas de reajuste devem, a princípio, sair de bases lógicas, fundamentadas em produtividade, resultados, PIB, inflação do período, etc. É assim que construímos nossas reivindicações.

Nos últimos anos alcançamos bons ganhos salariais, acima do INPC, apesar das nossas reivindicações terem sido maiores. Procuramos um repasse do aumento da produtividade das empresas, pois esta é fruto do nosso trabalho, portanto um argumento justo.

Na área de argumentos para reajustes vemos as empresas navegarem sempre por onde lhes convém. Crise, mercado, risco… Mas não é por essas “águas” que estamos navegando há um bom tempo. Nossos reajustes e ganhos nos últimos anos provam isto e o próprio mercado em todos os setores tem repassado ganhos significativos aos trabalhadores.

O gráfico ao lado ilustra bem os nossos ganhos acima do INPC (%) em média nos últimos anos.  A proposta das empresas  e o índice que reivindicamos representado em ganho demonstra que estamos longe de um acordo.

Proposta Rejeitada

É evidente que neste momento a LANXESS se aliou a estratégia das demais empresas, emperrando a negociação. As águas do mercado que regulam o salário agora não lhe convém. É hora de falar em risco, baixa rentabilidade de commodities e tentar esconder o crescimento e investimentos.

Na reunião, a empresa ressuscitou o IPP (AIPIPI) recurso que utilizou no ano passado para tentar comprar votos antes das assembleias. O argumento agora é que se a situação melhorar o IPP seria uma das formas de repassar um reajuste maior.

 

Em PE  os 7,89% também foram apresentados ontem. No Rio, estavam previstas assembleias dia 18/10, para decidir sobre a negociação de 2010(!). Aqui o índice apresentado foi novamente rejeitado depois de apreciado pela direção do SINDIPOLO.