INCÊNDIO COM MORTE NA MASISA

PUBLICADO:

O incêndio que ocorreu na fábrica de laminados Masisa, na via de acesso ao Pólo Petroquímico,  às cerca de 10h do dia 22, deixou sete pessoas feridas, três em estado grave, onde um faleceu. Os feridos precisaram receber suporte respiratório e passaram por cirurgias plásticas emergenciais para higienização de lesões e queimaduras mais graves e foram atendidos no Hospital de Montenegro e no Hospital de Pronto Socorro em Porto Alegre.

No momento da explosão, 20 trabalhadores estavam próximos ao setor de peneira (equipamento que faz a separação das partículas de madeira seca para a produção de MDF), onde a temperatura é de 140 graus centígrados. As causas do incêndio ainda estão sendo investigadas. Durante a ocorrência, no sábado, a direção do Sindipolo e assessoria de comunicação foi procurada pela imprensa para mais informações, pois buscava  informação sobre as situação e gravidade da ocorrência. Também não localizava o sindicato que representa os trabalhadores da Masisa.

Interdição da DRT

A Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE) realizou, ainda no sábado (22), vistoria e interditou o local.  O incêndio foi combatido pelos bombeiros de Montenegro, com apoio da segurança da Jonh Deere e do PAM (Plano de Ajuda Mútua) do Polo Petroquímico.




DESENVOLVIMENTO BY
KOD