> Fator Previdenciário nova fórmula melhora vida dos trabalhadores | Sindipolo

Fator Previdenciário nova fórmula melhora vida dos trabalhadores

PUBLICADO:

Foi aprovado dia 13/05 no Congresso Nacional, a nova fór­mula para o cálculo do Fator Previdenciário. A fórmula 85/95 havia sido discutida com a CUT e outras centrais sindicais, em 2009, em conjunto com o Ministério da Previdência, a Secre­taria Geral da Presidência da República e o então deputado federal Pepe Vargas (PT-RS), durante o governo Lula.

Pela fórmula 85/95 a aposentadoria igual à do último sa­lário está garantida quando o trabalhador atingir a seguinte equação: tempo de contribuição + idade = 85 (para mulheres) ou 95 (para os homens). O desconto do Fator Previdenciário continuará para os trabalhadores que não quiserem esperar o tempo para completar as somas 85 e 95. O teto do INSS, atual­mente, é de R$ 4.662.

A medida atende parcialmente uma reivindicação histórica dos trabalhadores de acabar com o famigerado fator previdenciá­rio criado em 1999 no governo Fernando Henrique Cardoso (FHC) para diminuir os vencimentos dos trabalhadores aposentados.

EXEMPLO

O Diap (Departamento Intersindical de Assessoria Parla­mentar) aponta que um trabalhador com 53 anos, que ganhe R$ 1 mil mensais, tenha começado a trabalhar aos 18 anos e quiser se aposentar já, terá a redução de 33,5% nos vencimen­tos pelo fator previdenciário e receberá R$ 665. Para ter direito ao valor integral, precisará de mais sete anos de contribuição. Já com a fórmula 85/95, precisará trabalhar metade disso, 3 anos e meio, para receber o valor integral.