CORONAVÍRUS – REUNIÃO COM A INNOVA

PUBLICADO:

Na tarde da sexta-feira, 17/4, o SINDIPOLO esteve reunido, por vídeo conferência, com a INNOVA/Sindiquim para tratar de questões relacionadas às medidas de prevenção aos trabalhadores em relação ao Coronavírus. No encontro foram tratados vários pontos relacionados abaixo. São assuntos que, se estiver ocorrendo em outras unidades do Polo, devem ser repassados o quanto antes para tratarmos diretamente com as empresas. Procure um sindicalista de sua unidade e/ou passe uma mensagem para os contatos 99834.7709, 99245.8352 ou 99133.1670 ( WhatsApp).

 

  1. Férias
    O SINDIPOLO solicitou que, por princípio do Acordo TEMPORÁRIO de Turno, as férias dos trabalhadores que estão sendo antecipadas devido ao coronavírus, não se sobreponham aos períodos de folga de 14 dias (backup) na tabela provisória de Turno. E que as férias que foram previamente marcadas antes deste momento de pandemia sejam remarcadas para não se sobreporem ao período de 14 dias de descanso da tabela TEMPORÁRIA de Turno.

A Innova não soube informar quantos casos há e se propôs a verificar e dar um retorno ao SINDIPOLO.

 

  1. Banco Horas/Compensação
    Em cumprimento aos Decretos Estadual e Municipal que exigem a redução de 50% na ocupação em veículos e locais de trabalho, bem como o acerto feito entre as empresas/Sindiquim e SINDIPOLO, em que os trabalhadores do horário administrativo estariam realizando rodízio dias/ semanas no interior das empresas, com o objetivo de manter no máximo 50% do efetivo para evitar contaminações com o COVID19, assim como evitar que o vírus “entre” para o ambiente de trabalho: A Innova, assim como outras empresas do Polo, vem se utilizando do trabalho em casa (home office) como uma das formas de evitar o deslocamento ao Polo.

Mas há outras funções como as dos profissionais da manutenção, que não podem levar seu serviço para casa. Nesses casos a empresa deve aplicar o rodízio entre estes. Sendo o acerto de que estas horas que o trabalhador ficar fora da empresa, seja um dia, seja uma semana, não podem ser “contabilizadas” como um suposto Banco de Horas “negativo”.

O acordado é de que sendo trabalhador de Turno ou de Adm, as horas não trabalhadas, em decorrência da Pandemia, não sejam descontadas e, sim que as horas extras realizadas sejam pagas.

O SINDIPOLO reiterou este assunto o qual foi verbalmente discutido na reunião do Acordo Provisório quanto a esses terem os seus dias de folgas intercalados e abonados em função da Pandemia do COVID19 e principalmente de não haver banco de horas.

Quanto aos trabalhadores de turno há um Supervisor que está promovendo banco horas para compensações (folgas) futuras daqueles que são convocados para trabalhar nos seus dias de “backup” (folga). Quem faz isso está descumprindo o Acordo Provisório que prevê pagamento de horas extras.

A Gestão Innova relatou não ter conhecimento destes casos e que cumprirá o foi acertado nas reuniões com o SINDIPOLO e no Acordo Provisório.

 

  1. Desvio de função
    Há denúncias para o SINDIPOLO que os técnicos de operação estão fazendo trabalhos de manutenção de caldeiraria, instrumentação, elétrica porque as chefias não estão acionando o”Call out” de manutenção e, além disso, estão fazendo alguns analise de laboratório.

A Gestão Innova disse não ter conhecimento destes desvios e que irá verificar e dar retorno ao SINDIPOLO.

4. Vacinas da Gripe
O SINDIPOLO pediu informações de como está a situação da Vacina da Gripe (Influenza).

A Innova informou que aguarda a chegada do pedido feito ao SESI, mas este não tem data confirmada de entrega. Afirmou também que está vendo a compra com outros fornecedores. A Vacina será para trabalhadores diretos e terceiros sem custo para os trabalhadores.

 

  1. Higienização/Limpeza
    Em função da proteção coletiva dos trabalhadores e do Decreto Municipal de Triunfosobre os procedimentos relativos ao COVID19 o SINDIPOLO reiterou que haja higienização de banheiros e vestiários antes e depois das trocas de turno, bem como os demais vestiários. E para isso há necessidade de reforçar as equipes de limpeza e higienização para não sobrecarregá-las.

A Gestão Innova informou que intensificou estas higienizações, mas irá ver com a contratada como estão ocorrendo as higienizações nas trocas de turno.

 

  1. Refeitório
    O SINDIPOLO relatou a falta de EPIs para as trabalhadoras da empresa Sapore como máscara e/ou protetor facial. Também relatou a prática de assédio e falta de empatia da supervisão com sua equipe, inclusive ao não relatar um acidente de trabalho e demitir posteriormente a acidentada.

A Gestão da Innova irá conversar com a empresa Sapore em relação aos EPIs, em relação à prática de assédio com sua equipe e principalmente sobre a subnotificação do acidente.

 

  1. Parada do Poliestireno
    O SINDIPOLO recebeu no dia 17/04 a comunicação via Oficio da Innova sobre sua intenção de adiar a Parada que estava programada para maio/2020. A empresa e o Sindicato já haviam conversado sobre a questão por vídeo conferência. A posição do SINDIPOLO foi de que devemos evitar maiores concentrações de trabalhadores nos locais de trabalho, bem como nos deslocamentos, assim evitando contaminações pelo COVID19.

Também foi tratado sobre os equipamentos controlados pela NR13 (via SPIE) que estão para vencer. Que os mesmos sejam monitorados de forma especial para que não comprometam a segurança dos equipamentos e principalmente das pessoas. Nesse sentido, foi reforçado o agendamento da reunião entre Equipe do SPIE da Innova com o SINDIPOLO para, dentro do possível, no final de agosto/2020, visto que a maioria dos equipamentos está com data de vencimento em maio e agosto do corrente ano.

A previsão da Innova é de que a parada aconteça em janeiro/2021. Neste sentido o SINDIPOLO pede que está parada possa ser na primeira quinzena de dezembro/2020, pois assim evitará a fadiga causada pelo calor do verão, bem como a predominância de férias neste período.

Sobre os documentos solicitados a respeito dos equipamentos controlados pela NR13, ainda será enviado pela Innova o Parecer dos profissionais habilitados do SPIE (PH) e Plano de Ação Extraordinário de Inspeção para monitoramento desses.

A Gestão Innova informou que o Parecer do profissional habilitado e o Plano de Ação Extraordinário de Inspeção serão ainda entregue ao SINDIPOLO com as devidas assinaturas dos profissionais habilitados, e quanto a reunião com a Equipe do SPIE e antecipação da parada irá verificar e dará uma resposta.

 

  1. Obra das Caldeiras
    Novamente o SINDIPOLO reforçou a preocupação com os trabalhadores que estão executando a obra das caldeiras na Innova em se contaminarem com o COVID19.

O efetivo continua o mesmo, levando a aglomeração inevitável de trabalhadores, seja na portaria, vestiário, refeitório e mesmo no local de trabalho, alguns em espaço confinado. O pedido é de suspender temporariamente os trabalhos da Obra e manter os empregos e salários dos trabalhadores até passar o ponto mais forte da contaminação aqui no Brasil/RS, respeitando as orientações dos poderes públicos e entidades cientificas. Há informações de que já tem trabalhadores da Obra afastados por suspeitas de contaminação do COVID19 e por sintomas de gripes. Temos que fazer de tudo para garantir a renda destes trabalhadores, mas não podemos colocar a vida deles e dos demais que estão dentro da Innova em risco. Uma vez contaminado o interior da fábrica, dificilmente será possível dar continuidade operacional nas plantas industriais. Assim como levar o perigo da contaminação para as casas/famílias dos trabalhadores que atuam na Innova.

Innova ficou verificar junto às prestadoras de serviço da Obra das Caldeiras tais afastamentos e suas abrangências e dar retorno ao SINDIPOLO.




DESENVOLVIMENTO BY
KOD