COMISSÃO ESTADUAL DO BENZENO VISITA A REFAP

PUBLICADO:

A Comissão Estadual do Benzeno (CEBz-RS), realizou no dia 31 de agosto, uma Visita Técnica na REFAP em Canoas. O SINDIPOLO, que faz parte da Comissão junto com outras entidades sindicais, estava presente nesta importante atividade relativa à saúde dos trabalhadores.

A VISITA TÉCNICA

A Petrobras/REFAP recebeu a visita da CEBz-RS no dia 31/8. A Petrobras vem desde 2007, quando recebeu a Visita Técnica da Comissão Nacional do Benze­no, a CNPBz, trabalhando para cumprir com o TAC (Termo de Ajuste de Condu­ta) acordado junto ao Ministério Público do Trabalho. Neste Termo, foi solicitado à empresa a realização de uma série de medidas relativas a melhorias em sua planta industrial, a fim de minimizar a ex­posição dos trabalhadores ao Benzeno.

Após 10 anos da primeira visita da Comissão Nacional, a empresa mostra que alguns itens foram realizados, po­rem outros continuam parados.

A CEBz realizou uma caminhada pelas áreas do parque de bombas, o Parque D, onde estão instaladas as bombas de naf­ta petroquímica enviada para a Braskem/UNIB. Também foi visitada a área de Des­tilação (U 01), onde se pode observar selos de bombas, amostradores, entre outros equipamentos que circulam pro­dutos com correntes de Benzeno.

PARTICIPANTES

A Comissão do Benzeno é formada pela representação do Governo, das Em­presas e dos Trabalhadores. Na Bancada dos trabalhadores estão Sindipolo, Sin­diconstrupolo, Sindiágua, Sindipetro-RS, Sindilíquida e Sinflumar. Além destas en­tidades, também participaram na Visita Técnica, por parte dos trabalhadores, os GTB’s (Grupo de Trabalho na preven­ção a exposição ao Benzeno) da CIPA da UNIB (Braskem), SGS e da Corsan/Sitel.

GTB REFAP

O Grupo de trabalhadores da Refap que atua para minimizar a exposição ao Benzeno (GTB), que é uma subcomissão da CIPA, demonstrou o trabalho que vem sendo realizado por eles como realizar inspeções nas áreas indus­triais da Refinaria e participar das reuniões da CEBz, apesar das dificul­dades enfrentadas pelo pouco apoio recebido da empresa.

A restrição da participação do ci­peiro suplente tem sido um dos obstá­culos para o bom andamento dos tra­balhos do GTB e da própria CIPA da Refap, problema similar que temos enfrentado nas CIPAS e GTB’s do Polo Petroquímico.

ENCAMINHAMENTOS

A CEBz tem previsão para se reu­nir neste mês de setembro, onde fará o fechamento da visita com o Relatório. Neste, além das observações das três bancadas que compõem a Comissão, terão encaminhamentos e recomenda­ções para a empresa visitada.

Nestas visitas técnicas, organizadas pela CEBz, com a participação dos GTBs, é possível realizar, concretamente, uma troca de boas práticas e conhecimentos que elevam o conjunto das melhorias a serem feitas em nossos ambientes de trabalho. Um verdadeiro “ganha-ganha” a todos que realmente se interessam por este cuidado com a saúde do trabalhador e com o meio ambiente de trabalho.




DESENVOLVIMENTO BY
KOD