> ASSEMBLEIAS PARA APRECIAR PROPOSTA DAS EMPRESAS | Sindipolo

ASSEMBLEIAS PARA APRECIAR PROPOSTA DAS EMPRESAS

PUBLICADO:

Na reunião do dia 17 as empresas Braskem, Videolar­-Innova e Oxiteno apresenta­ram uma proposta de reajuste salarial de 9,15% escalona­do até o salário básico de R$ 9.508,99 em 30 de setembro de 2016. Acima deste, um valor fixo de R$ 870,07. O piso salarial também sendo reajustado em 9,15%, ficaria em R$ 1.292,64; reajuste de 11% para os auxílios educa­ção, creche/acompanhante e para filhos portadores de deficiência; manutenção das conquistas do atual acordo; mais um dia de liberação por ano para cada dirigente sin­dical e acordo com vigência de dois anos. Além disso, as empresas consideram como parte da proposta o fecha­mento dos Acordos de Tur­no referentes aos períodos 2014/2016 e 2016/2017.

Esta proposta foi colocada depois que as empresas apre­sentaram uma que corrigia em 9,15% os salários escalonados e os auxílios citados.

Imediatamente após o que foi apresentado, o Sindicato se manifestou dizendo que a proposta não atenderia as ex­pectativas da categoria. Além disso, não pretendíamos deixar que a negociação se arrastasse até o mês de abril, como vem ocorrendo nos últimos anos. Neste sentido, teríamos que ter uma proposta razoável.

Assim, foram apresenta­das, pela direção do Sindica­to, algumas questões tendo como base a última contra­proposta aprovada pelos tra­balhadores em assembleias, para que as empresas revis­sem sua posição e ofereces­sem uma proposta que fosse possível encaminhar para apreciação da categoria.

O que foi apresentado pelas empresas está abaixo do que foi apresentado pela dire­ção do Sindicato às empresas. Também da expectativa de boa parte da categoria, principal­mente quando consideramos o padrão de auxílio-educação dos trabalhadores da Oxiteno e da Videolar-Innova que não abrange núcleo familiar.

Se por um lado esta proposta das empresas está aquém das reivindicações dos trabalhadores, por outro ela está no mesmo nível ou­tras fechadas pelos petroquí­micos em nível nacional e de outras categorias.

Agora, caberá aos traba­lhadores, nas assembleias, decidirem se aceitam ou não

AGENDA DAS ASSEMBLEIAS

TRABALHADORES DO ADM – Braskem, Videolar-Innova, e Oxiteno – 4ªf, dia 23/11, às 7h30, no transbordo na UNIB

ESCRITÓRIO/POA e TURNO OXITENO – 5ª f, dia 24/11, às 18h30, no SINDIPOLO

TURNEIROS – No Transbordo do Turno

GRUPO II – 3ª feira, dia 22/11, na saída, às 16h

GRUPO IV- 3ª feira, dia 22/11, na saída, às 00h

GRUPO l – 4ª feira, dia 23/11, na saída, às 16h

GRUPO III – 4ª feira, dia 23/11, na entrada, às 24h

GRUPO V – 5ª feira, dia 24/11, na entrada às 16h

ACORDO DE TURNO DE REVEZAMENTO

Se a negociação for fechada agora, o próximo passo será tratarmos do Acordo de Turno. Inclusive na reunião do dia 17 apresentamos uma solicitação formal às empresas para reto­marmos esta questão. Este acordo está em aberto desde maio de 2014. Já temos um período fechado de maio de 2014 a maio de 2016 e, também, de maio de 2016 para cá.

Para os turneiros é importante o fechamento do Acordo de Turno e as empresas também têm interesse em encerrar esta questão do turno, que está há mais de dois anos e meio em aber­to. Portanto, logo após o encerramento da negociação, vamos fa­zer assembleias com os turneiros para tratar desse Acordo.

 




DESENVOLVIMENTO BY
KOD