> APROVADO REAJUSTE SALARIAL DE 12% | Sindipolo

APROVADO REAJUSTE SALARIAL DE 12%

PUBLICADO:

Nas assembleias da semana passada foi aprovada a pauta de revindicações que será entregue ao Sindiquim na quarta-feira, dia 5, para dar início às negociações. Nesta, independente de termos um acordo por dois anos, vamos tratar muitas questões que não avançaram na negociação de 2011. Precisamos assegurar também aos trabalhadores da Innova, Lanxess (DSM), Borealis e Oxiteno, questões como auxílio-educação com evolução, indenização de um salário a quem é demitido com mais de 45 anos de idade, entre outras.

Além disto, temos que garantir um abono de férias de 100% de um salário, mais o 1/3 de lei, melhorias no auxílio-educação, seguro aposentado de 50 meses e outras questões que já são asseguradas nos acordos dos trabalhadores do setor em Alagoas e na Bahia.

No quadro ao lado, estamos reproduzindo integralmente todos os itens que foram aprovados nas assembleias.

Muitas lutas e manifestações

Como mostra matéria na página 3 deste EM DIA, nas negociações deste ano  97% das cerca de 400 categorias pesquisadas pelo DIEESE, tiveram reajustes salariais com aumento real acima do INPC. Destas, um número significativo conquistou reajustes salariais com aumento real de 4%.  Na indústria e comércio foram garantidos os melhores reajustes salariais.

Estes resultados foram garantidos com muitas manifestações e greves. No nosso setor as empresas já começaram a choradeira de crise para poderem achatar os salários. Isto mostra que temos que estar preparados e dispostos para muitas lutas, como as que fizemos em 2011. Ano passado realizamos duas grandes manifestações com o ADM e Turno em frente ao “Paradouro 22”, e outras com o Turno, sendo uma no mesmo local, das 23h às 04h30 da madrugada.

 

PAUTA APROVADA

Reajuste salarial de 12%;

Piso salarial de R$ 1.500,00;

Abono de férias de 100% de um salário, mais 1/3 de lei;

Indenização de um salário aos demitidos com mais de 45 anos de idade;

Auxílio-educação de R$ 325,00 por mês;

Auxílio-creche de um salário mínimo nacional;

Auxílio para filhos com deficiência de um salário mínimo nacional/mês;

Hora Extra de 150% (segunda à sexta) e 200% em parada de manutenção, partida de unidades e finais de semana;

Seguro aposentando de 50 meses a aposentadorias INSS;

Tempo de viagem para turno e ADM de, no máximo, 1h30;

Informação imediata ao Sindicato nos casos de acidentes/incidentes e anormalidades operacionais graves;

Participação do Sindicato e das CIPAs nas Comissões de análise dos acidentes/incidentes e anormalidades operacionais graves.