NEGOCIAÇÃO SALARIAL ARLANXEO E DB OUTUBRO

PUBLICADO:

DB OUTUBRO

OXITENO, INNOVA E BRASKEM

A reunião foi dia 5. Nes­ta foi apresentada a pauta de reivindicações e as empresas ficaram de analisar a proposta e agendar um novo encontro.

 

INDICADORES ECONÔMICOS

12 meses – PARA DB OUTUBRO

INPC/IBGE 1,63%

IPCA/IBGE 2,54%

ICV/DIEESE 1,89%(*)

IPC-IEP 1,14%

IGP-M/FGV -1,45%

IGP-DI/FGV -1,61%

SAL.MÍN/DIEESE R$ 3.668,55(*)

(*) Acumulado/calculado até setembro

 

PRINCIPAIS ITNES DA NEGOCIAÇÃO

Reajuste salarial pelo INPC dos últimos 12 meses + 5% de aumento real (INPC fechou em 1,63%);

Reajuste para os auxílios e benefícios praticados pelas empresas pelo INPC acumulado nos últimos 12 meses + 5%;

Reajuste do piso salarial INPC + 5% aumento real;

Equalização do auxílio-educação dos trabalhadores da Braskem.

 

 

RESULTADO DA BRASKEM

O lucro da Braskem su­biu 310%. O resultado foi obtido no segundo trimes­tre deste ano, em relação ao mesmo período do ano anterior. Em reais, o per­centual representa ganho de R$ 1,1 bilhão. As ações da empresa já subiram 115% nos últimos 12 me­ses, mas há perspectiva de novas elevações.

OUTRAS CAMPANHAS SALARIAIS

TRABALHADORES DOS CORREIOS – Depois de 15 dias de greve a empresa apresentou proposta no TST de renovação de todas as cláusulas do acordo atual até agosto de 2018 e reajuste de 2,07% (INPC) retroativo a agosto (DB da categoria). A proposta apresentada na audiência de conciliação no TST foi aprovada pelos tra­balhadores nas assembleias realizada na sexta (6).

PETROLEIROS – Em reu­nião no dia 5, a empresa in­sistiu na retirada de direitos e os trabalhadores mais uma vez deixaram claro que não negociam retirada de direi­tos. A categoria prepara uma greve, caso a empresa insis­ta na sua intenção de acabar com direitos históricos dos trabalhadores.

 

 

ARLANXEO DB SETEMBRO

O SINDIPOLO, na quinta-feira (5) informou a Arlanxeo sobre a rejeição da proposta apresentada por ela no dia 27 de setembro. Foi mantida a proposta da pauta de 1,73% + 5% de produtividade. Em Pernambuco a proposta dos trabalhadores também é de 1,73% + 5% de produtividade. No Rio de Janeiro também foi rejeitada a proposta de 1,38% e foi alterada a pauta para 4% de reajuste para salários e benefícios, incluídos neste percentual o INPC.

AGENDA DE REUNIÕES

Há reuniões agenda com a empresa no dia 16/10, em Pernambuco; no dia 17/10 no Rio de Janeiro; e aqui no dia 18/10.

 




DESENVOLVIMENTO BY
KOD